37ª Mostratec reúne mais de 600 projetos de jovens cientistas do Brasil e Exterior


A 37ª Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia (Mostratec) inicia nesta terça-feira (25), em Novo Hamburgo, Região Metropolitana de Porto Alegre.

Após dois anos de edições virtuais em razão dos protocolos sanitários da pandemia da covid-19, o evento trará representantes de 21 Estados e oito países. Argentina, Colômbia, México, Paraguai, Peru, Portugal e Taiwan apresentam seus trabalhos a partir de amanhã.

Organizada pela Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, a Mostratec é considerada a maior do gênero na América Latina. “Não existe nenhuma feira na América Latina que chegue perto desse número de projetos. A Mostratec proporciona relações presenciais que estimulam os jovens a participar. Com esses projetos, eles vão aprendendo a aprender, vão se tornando empreendedores da educação”, comenta Ramon Fernando Hans, diretor-executivo da Liberato Salzano.

O público poderá conferir os trabalhos expostos entre os dias 25 e 27 de outubro das 13:30 às 21 horas na Fenac. Além da mostra principal, o local também recebe a Mostratec Júnior, Seminário Internacional de Educação Tecnológica (Siet), Jogos Mostratec, Corrida Mostratec/Sesc e Desafio de Robótica Mostratec Atto.

Mostratec recebe mais de 600 projetos em Novo Hamburgo

Ao todo, serão apresentados 666 projetos, 329 na Mostratec de Ensino Médio e Técnico e 337 na Mostratec Júnior, de Ensino Fundamental e Ensino Infantil.

A feira contempla 14 áreas de pesquisa, dentre elas as Ciências Planetárias, Terrestres e Matemática e Física, Ciências Ambientais, Engenharia Elétrica, Ciências da Saúde e Ciências da Computação.

Cerca de 40 mil pessoas devem visitar a feira durante os dias de exposição. A entrada é gratuita e com algumas atividades do evento transmitidas ao vivo pelo canal da feira no YouTube. A transmissão online tem miliares de expectadores de todo Brasil e ao redor do mundo.

A Mostratec incentiva estudantes e jovens pesquisadores concedendo prêmios: bolsas de estudos, bolsas de iniciação científica, publicações em revistas e periódicos, menções honrosas, equipamentos eletrônicos e viagens para participação em feiras científicas. A premiação da mostra é oferecida por 39 organizações e está estimada em mais de R$ 1 milhão.

Com informações da Mostratec
Emerson Tormann

Técnico Industrial em Eletrônica com especialização em Tecnologia da Informação e Comunicação. Especialista em inspeção predial. Editor chefe na Atualidade Política Comunicação e Marketing Digital Ltda. Jornalista e Diagramador - DRT 10580/DF. Sites: https://etormann.tk e https://atualidadepolitica.com.br

Postagem Anterior Próxima Postagem