domingo, 23 de julho de 2017

WLBED 2017 - O presente e o futuro da Engenharia Diagnóstica
Emerson F. Tormann09:30

II Workshop Luso-Brasileiro de Engenharia Diagnóstica

Por Emerson Tormann

A cidade de Santos no Estado de São Paulo sediou um dos maiores eventos internacionais de Engenharia Diagnóstica dos últimos tempos no Brasil. A presença de renomados palestrantes e profundos conhecedores do assunto contribuem sobremaneira para o desenvolvimento do mercado de diagnósticos, perícias, patologias, desempenho e reabilitações das edificações.

O evento teve duração de dois dias, trouxe palestrantes nacionais e internacionais os quais dedicaram profundo conhecimento em prol do avanço da engenharia diagnóstica. São profissionais tarimbados compartilhando experiências com um público tão experiente quanto...

A Engenharia Diagnóstica em Edificações, segundo o especialista Tito Lívio Ferreira Gomide, trata das investigações científicas das patologias prediais, através de metodologias que possibilitem obter dados técnicos para a caracterização, análise, atestamento, apuração da causa ou prescrição do reparo para a patologia em estudo.

“Os temas são de grande interesse da sociedade, dos síndicos e das construtoras visto que nos últimos anos houve uma demanda crescente de processos judiciais decorrentes de falhas construtivas”, afirma o Dr. Mário Galvão Jr. - Engenheiro Civil e membro da Comissão de Estudo Perícias de Engenharia na Construção Civil da ABNT NBR 13752 (ABNT/CE-002:134.003).

Dentre os debatedores estavam Tito Lívio Ferreira Gomide, Jerônimo Cabral P. Fagundes Neto, Marco Antonio Gullo, José Carlos Gasparim e proporcionaram aos participantes o conhecimento da prática, da burocracia e dos elementos técnicos para a realização da perícia, segurança e durabilidade, normas de estrutura, anomalias e diagnóstico de construções em concreto armado.

Gullo-Cabral-Mario_Galvao-Gomide (foto: Emerson Tormann)
Gullo, Cabral, Galvão e Gomide (da esq. p/ dir.)

O curso, atualizado de acordo com o novo Código do Processo Civil, foi uma excelente oportunidade para a reciclagem de profissionais como engenheiros, arquitetos, advogados, técnicos e demais profissionais que queiram atuar como perito judicial ou assistente técnico junto ao Poder Judiciário e Ministério Público, por exemplo.

Os resultados dos diagnósticos são apresentados através dos respectivos laudos técnicos, decorrentes das cinco ferramentas diagnósticas tradicionais, representadas por consultorias, vistorias, inspeções, auditorias e perícias. Os laudos de Engenharia Diagnóstica servem para algumas finalidades, entre as quais estão aos estudos da qualidade técnica ou produção de provas periciais.

As provas periciais de Engenharia Diagnóstica visam a apuração da responsabilidade pela ocorrência da patologia predial, para que se possa indenizar as pessoas prejudicadas.

Além dos palestrantes e debatedores já citados, um time de peso esteve à frente das palestras e do curso. São eles:
  • Professores Antônio Bittencourt, Antonio Guilherme Menezes Braga, Luís Calado (Representante do Municipio de Santos), Eduardo Lafraia (Representante do Judiciário de Santos);
  • Prof. Fernando Branco (Técnico – Ulisboa)
  • Debatedor 1 – Jerônimo Cabral P. Fagundes Neto – J. Cabral e IE
  • Debatedor 2 – Marco Antonio Gullo – MG CONSULT e IE
  • Debatedor 3 – Antônio Guilherme Braga – AG Braga Engenharia e IE
  • Prof. Luís Calado (Técnico – Ulisboa) (Eurocódigos)
  • Debatedor 4 – Douglas Barreto – UFSCar
  • Debatedor 5 – Miriana Pereira Marques – Marques & Marques Engenharia e IE
  • Debatedor 6 – DIRETORIA IE
  • Prof. João Ramôa Correia (Técnico – Ulisboa)
  • Debatedor 7 – Tito Lívio Ferreira Gomide – Gabinete Gomide e IE
  • Debatedor 8 – José Carlos Gasparim e INBEC
  • Debatedor 9 – Stella Marys Della Flora – Gabinete Gomide e IE
  • Prof. Fernando Branco (Técnico – Ulisboa)
  • Prof. João Ramôa Correia (Técnico – Ulisboa)
  • Debatedor 10– Renato Sahade - RS Patologia das Construções e INBEC
  • Debatedor 11 - Luciano Gomide – Visto A
  • Debatedor 12 – Ricardo Lyra - IE
  • Prof. Fernando Branco (Técnico – Ulisboa)
  • Prof. João Ramôa Correia (Técnico – Ulisboa)
  • Prof. Luis Calado (Técnico – Ulisboa) 

Mais imagens do evento:











Santos / SP, 23 de julho de 2017

» Saiba mais sobre o II WORKSHOP LUSO-BRASILEIRO DE ENGENHARIA DIAGNÓSTICA


Torre de TV - Brasília / DF
Sobre o blogueiro Emerson F. Tormann Possuo conhecimentos avançados em engenharia de redes de computadores e infra estrutura de servidores (o famoso CPD). Cabeamento estruturado: lógica, elétrica estabilizada (nobreak/gerador) e telefonia (centrais telefônicas). CFTV e sistemas de monitoramento e inspeção remotos. Facebook e Twitter