terça-feira, 19 de dezembro de 2017

Telegrama será desativado na Bélgica
Emerson F. Tormann23:10


Lembra dos telegramas? E não, não estamos falando do aplicativo telegram que é o rival do WhatsApp, mas sim aquelas mensagens muito comuns no início do século passado.

Após diversos países terem abandonado o já obsoleto telégrafo, a Bélgica será o próximo a encerrar as atividades das empresas que enviam telegramas. Segundo a BBC, no próximo dia 29 de dezembro, o país europeu não terá mais o telégrafo.

Outros países que não dão suporte mais a antiga tecnologia incluem Estados Unidos, que não possui o serviço desde 2006, e até mesmo a Índia, que encerrou em 2010. Aqui no Brasil ainda é possível encontrar o serviço, apesar de raro.

Enviar um telegrama na Bélgica custava 23,75 euros por 20 palavras e 0,90 por envio. O preço é considerado caro, ainda mais no mundo de hoje que há mensagens de texto, WhatsApp, e-mails, e tantas outras formas de comunicação.

Em nosso país, o telégrafo foi inaugurado em 1857 entre a praia da Saúde e a cidade de Petrópolis, na região serrana do estado. Essa linha tinha uma extensão de 50 quilômetros, sendo 15 deles em cabo submarino no leito da baía de Guanabara.

Os telegramas são mensagens urgentes e confidenciais transmitidas pela internet ou por outro meio eletrônico para o local em que a mensagem será impressa e auto-envelopada para entrega no endereço do destinatário. Os Correios oferece serviço de telegrama via internet nacional a partir de R$ 7,69 e internacional a partir de R$ 9,94.

#telex #telégrafo #telegrama #morse

Fonte: tudocelular





Torre de TV - Brasília / DF
Sobre o blogueiro Emerson F. Tormann Possuo conhecimentos avançados em engenharia de redes de computadores e infra estrutura de servidores (o famoso CPD). Cabeamento estruturado: lógica, elétrica estabilizada (nobreak/gerador) e telefonia (centrais telefônicas). CFTV e sistemas de monitoramento e inspeção remotos. Facebook e Twitter