sexta-feira, 17 de junho de 2016

Siemens pode pagar US$ 1 bi à Gamesa por fusão em eólica
Emerson F. Tormann15:17




A alemã Siemens pode pagar aproximadamente de US$ 1 bilhão à espanhola Gamesa em um negócio para fundir os negócios na área de energia eólica de ambas as companhias, afirmou a agência Bloomberg nesta quinta-feira (16), citando fontes.

A Gamesa vai receber os recursos da possível aquisição como um dividendo especial da nova empresa de energia eólica gerada pela fusão, junto com uma fatia de 41% no negócio como parte do acordo.

A Siemens não quis comentar o assunto, enquanto a Gamesa não pôde se pronunciar imediatamente.

Na quarta-feira (15), a Gamesa havia dito que ainda não havia fechado acordo com a Siemens sobre a planejada fusão e que as negociações seguiam abertas.

As duas companhias informaram em janeiro que estavam discutindo um possível acordo para criar o que seria a maior empresa do mundo de energia eólica, o que também fortaleceria a tímida presença dos alemães no mercado de usinas eólicas em terra.

Global

Com mais de 35.200 megawatts (MW) instalados, a Gamesa é uma das líderes globais em tecnologia eólica e está presente em 55 países. A empresa tem centros de produção na Espanha e China. No Brasil, a Gamesa tem uma planta de produção de componentes para aerogeradores instalada em Camaçari, na Bahia.

Fonte: DCI (SP)


Torre de TV - Brasília / DF
Sobre o blogueiro Emerson F. Tormann Possuo conhecimentos avançados em engenharia de redes de computadores e infra estrutura de servidores (o famoso CPD). Cabeamento estruturado: lógica, elétrica estabilizada (nobreak/gerador) e telefonia (centrais telefônicas). CFTV e sistemas de monitoramento e inspeção remotos. Facebook e Twitter