segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

No Tocantins, homem faz chocadeira que funciona com energia solar
Emerson F. Tormann10:18

Luiz Tiers usa as horas vagas para construir aparelhos de forma artesanal. Criação veio para ajudar produtores que sofrem com oscilação de energia.


Há mais de 20 anos o funcionário público Luiz Claudio Tiers usa as horas vagas e uma oficina que ele tem em casa para fabricar aparelhos. Ele mora em Gurupi, no sul do Tocantins e criou um modelo de chocadeira que funciona com energia solar. O equipamento tem feito sucesso na cidade e a fabricação artesanal já se transformou em um negócio rentável.

Durante muito tempo, Tiers foi conhecido por construir chocadeiras elétricas através de um sistema também criado por ele. Mas para resolver o problema de muita gente que mora na zona rural e sofre com a oscilação na rede elétrica, ele passou a fabricar um equipamento que funciona com energia solar.

"Sempre gostei de criar aves e comprei uma chocadeira, mas ela acabou dando problema e não achei recurso para consertá-la. Então, decidi tentar criar de alguma forma. Fiz uma a gás e deu tudo certo. As pessoas viram e me encomendaram. Daí eu fiz a segunda, a terceira. Depois comecei a fazer a elétrica e as coisas foram mudando. Tenho tentado evoluir."


Homem fez chocadeira que funciona com energia
solar (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Antes do produto final, o funcionário público passou noites e noites fazendo pesquisa. "Nós chegamos a conclusão de que com um painel solar e a bateria, tínhamos condições de fazer a máquina funcionar exclusivamente com energia solar. Uma energia grátis e constante."

O aparelho funciona com duas placas que captam a energia do sol e carregam uma bateria. Depois a carga é enviada para um equipamento, que tem um transformador interno.

A energia é adaptada para 220 volts de tensão e a temperatura é regulada para 37 graus. O equipamento tem a capacidade para chocar até 1.500 ovos por mês e o aproveitamento chega a 95%.

Além de construir a chocadeira, Tiers fabricou, de forma artesanal, um equipamento chamado ovoscópio. O aparelho é utilizado para fazer uma espécie de ultrassonografia.

"O objetivo é eliminar os ovos que não são fecundados ou que estão com algum problema na encubação, o que pode causar uma perda ou uma contaminação na própria máquina. É usado também para aproveitar melhor o espaço físico do aparelho eliminando os ovos que não vão nascer.

Ovoscópio faz uma espécie de ultrassonografia do
ovo (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Com o ovoscópio, o criador pode monitorar o desenvolvimento interno dos ovos e pode calcular quantos deles serão chocados.

Os equipamentos artesanais fizeram tanto sucesso que o casal Kátia e Cecílio, por exemplo, pretende investir na criação de aves e já encomendou o aparelho.

"A gente fez uma pesquisa no comércio a respeito de chocadeira e a pessoa recomendada foi o Cláudio, por ser mais entendido do assunto. Chegamos até ele e explicamos que queremos profissionalizar o negócio. Ele nos indicou essa chocadeira pequena, mas o interesse maior foi essa nova que funciona a luz solar", afirma a produtora Kátia Bernardes.

"A grande vantagem da chocadeira é que a gente está na zona rural e a energia costuma falhar. Então [com esse aparelho] a gente fica mais tranquilo em não perder a produção", afirma o pecuarista Márcio Cecílio.

O criador Flávio Maia tem cerca de 400 frangos e a produção chega a mais de 400 pintos por mês. Essa produtividade só é possível por causa de uma chocadeira elétrica que ele tem em casa. Tiers contou a novidade para Maia que ficou animado e também vai encomendar a dele.

Agora o criador já pode pensar em triplicar a produção e aumentar os lucros. "A gente já perdeu ovo por falta de energia. Essa chocadeira além de funcionar à luz solar tem uma bateria. Nesse caso, se faltar a energia, ela automaticamente funciona na bateria. Vai melhorar o nascimento dos bichos com menos custos", diz otimista.

Assista ao vídeo da TV Anhanguera


Torre de TV - Brasília / DF
Sobre o blogueiro Emerson F. Tormann Possuo conhecimentos avançados em engenharia de redes de computadores e infra estrutura de servidores (o famoso CPD). Cabeamento estruturado: lógica, elétrica estabilizada (nobreak/gerador) e telefonia (centrais telefônicas). CFTV e sistemas de monitoramento e inspeção remotos. Facebook e Twitter