terça-feira, 10 de novembro de 2015

Um bom exemplo começa em casa
Emerson F. Tormann16:09

Fabricantes de motores e elétricos, principais responsáveis pelos gastos das indústrias com energia, a WEG busca melhorar tanto a sua eficiência quanto a dos clientes



UMA DAS MAIORES FABRICANTES de equipamentos elétricos do mundo, a catarinense WEG depende da eficiência energética para impulsionar seus negócios. Hoje, mais de 40% da energia elétrica gerada no Brasil é gasta pelas indústrias - e os motores elétricos estão envolvidos em 70% do consumo industrial. "O grande alimento de nosso produto é a energia elétrica", diz Fernando Cardoso Garcia, diretor-superintendente da WEG Motores, uma das cinco divisões do grupo catarinense. Ciente de seu papel, a empresa procura fazer sua parte. Primeira companhia no país com uma fábrica certificada com a norma ISO SOOOi, que estabelece medidas para reduzir os custos de energia, a WEG diminuiu em 10% o consumo de eletricidade para cada real de receita em 2014 em relação ao ano anterior. Para isso, adotou diversas medidas. Por exemplo, instalou medidores que monitoram o consumo de energia de cada fábrica, orientou os empregados sobre o uso racional de energia e trocou 380 motores comuns por outros de alta eficiência. Essa é, inclusive, a maior aposta da empresa para entregar mais eficiência ao mercado. A WEG tem um programa que dá aos clientes um desconto de 12% na compra de um motor novo, que consome menos energia. Além de diminuir as perdas de eletricidade, a iniciativa garante que o motor usado seja enviado a reeicladores credenciados.

Outra solução adotada em 2014 foi a automatização das torres de resfriamento, um mecanismo muito usado por fabricantes de papel e celulose, shopping centers e supermercados. A WEG passou a utilizar um sistema que controla a velocidade dos ventiladores e das bombas que resfriam a água de acordo com a temperatura ambiente e outras variáveis. Resultado: uma redução de 48% no consumo de energia e de 22% no de água, uma vez que o novo sistema evita a evaporação desnecessária. "Como fabricantes de motores elétricos, pensamos sempre de dentro para fora", afirma Garcia. "Isso nos ajuda a melhorar não só a nossa eficiência energética como também a de nossos clientes."

Fonte: Exame


Torre de TV - Brasília / DF
Sobre o blogueiro Emerson F. Tormann Possuo conhecimentos avançados em engenharia de redes de computadores e infra estrutura de servidores (o famoso CPD). Cabeamento estruturado: lógica, elétrica estabilizada (nobreak/gerador) e telefonia (centrais telefônicas). CFTV e sistemas de monitoramento e inspeção remotos. Facebook e Twitter